Como tornar o dia do aniversário do seu filho especial!

O dia do aniversário pode ser um dia comum. Muitas crianças transformam-se em adultos que detestam fazer aniversário devido às lembranças que tem dos aniversários de infância. Não, não é preciso fazer celebrações gigantescas ou caras para que uma criança passe amar fazer aniversário quando adulto, nem mesmo dar presentes caros e enormes. Temos o péssimo hábito de celebrar apenas o primeiro aniversário da criança, justo aquele que ela não vai se lembrar e simplesmente nos esquecemos da importância dos outros aniversários.

Principais motivos que levam as pessoas a detestar fazer aniversário:

1- Nunca há celebração. Celebrar é comemorar dentro das possibilidades, mas principalmente fazer um marco para que aquela data se torne especial;

2- Festas sem convidados. Por algum motivo as festas da criança nunca tem os convidados. As pessoas simplesmente não vão ou só vão os adultos mais próximos e a criança se frustra;

3- A rotina no dia do aniversário é a mesma. Não há nada de especial no dia do aniversário da criança. Ninguém comenta, ninguém considera importante.

4- A criança não participa da organização. Na casa, mesmo quando haverá uma festa, a criança atua como uma simples convidada.

5- Ninguém comenta. Nem antes, nem durante, nem depois. A família se posiciona diante do aniversário como se aquilo fosse um segredo!

 

Como evitar essas situações?

Muito simples. Não existe um roteiro, mas existem atitudes corriqueiras que tornarão os aniversários do seu filho inesquecíveis e depende só de você.

Torne o dia do aniversário especial. No dia do aniversário estabeleça uma regra para toda a família: ninguém pode brigar com o aniversariante. Aquele dia é especial, é o dia de escolher o cardápio do almoço ou jantar, de sair para jantar no local que o aniversariante escolher, de fazer o passeio que o aniversariante gosta, de brincar das brincadeiras preferidas dele. Lógico, que tudo dentro da dinâmica do dia e da rotina da semana, mas se o prato preferido da criança é lasanha, dá pra preparar na noite anterior e servir no almoço ou no jantar. Reforce que está fazendo isso porque é aniversário dele. Se a criança adora bolo de cenoura, que tal preparar um para o café da manhã ou lanche da tarde? Se ninguém gosta de brincar de Lego, mas o aniversariante adora, que tal fazer a alegria dele e brincar junto? Dá pra sair para jantar fora? Pergunte onde ele quer ir e o que quer jantar? ou Delimite, pergunte vamos pedir hamburguer ou pizza?

Presenteie, com algo que cabe no seu bolso! Mesmo que seja um Gibi, uma bola, ou algo maior. Embrulhe, entregue e não se desculpe por não ser o que você gostaria de dar, simplesmente entregue com amor, desde sempre. A criança vai entender que fazer aniversário é legal pelo conjunto da obra, e não pelo presente!

Não deixe que seu filho falte na escola no dia do aniversário, pelo contrário, comunique a escola no dia anterior, sobre o aniversário do seu filho. No dia do aniversário, conforme for encontrando porteiro, padeiro, zelador, professores, repita o mantra: “Hoje é um dia muito especial, é aniversário do Fulano”. Naturalmente as pessoas irão parabenizá-lo e ele se sentirá muito especial.

Seu filho faz aniversário nas férias ou próximo a algum feriado? Que tal organizar a festa um pouco antes ou um pouco depois? Se for em dezembro, faça em novembro ou em fevereiro, quando as aulas já voltaram e os amigos não estão viajando. Imagine o quanto deve ser triste saber que todo mundo vai no aniversário dos amigos, mas que nos seus, só tem o tio e a tia? E pior, que ninguém avisou que não vai por “educação”. Comunique nos grupos da escola que precisa da confirmação da presença e vá informando a criança quem confirmou presença ou ausência para ele não se frustrar.

Separe um momento para fazer algo com o aniversariante, mude a rotina para almoçar junto com ele. Caso seja impossível, por ser durante a semana, simplesmente avise: “Sábado, iremos no parque X que você tanto gosta, andar de bicicleta porque é o seu aniversário!“. E no dia reforce que estão fazendo aquilo especialmente para comemorar o aniversário da criança.

Vai fazer uma festinha ou um festão? Deixe a criança participar da organização, desde a lista dos convidados, até no preparo dos docinhos. Mesmo que depois você precise selecionar um ou outro amassadinho. Peça para ele ajudar a arrumar as lembrancinhas, nem que seja colocando os itens distribuídos sobre a mesa para você embalar depois, ou colocando todas elas dentro de uma caixa. Crianças com 3 anos já são excelentes ajudantes! Você vai prolongando a alegria de festejar na criança e contribuindo para criar um adulto colaborativo!

Não vai fazer festa nenhuma? ou vai fazer festa, mas não é no dia do aniversário? Ahhhh… todo mundo adora apagar velinhas! Compre uma vela com o número de anos que a criança está fazendo e ascenda, no bolo de cenoura, em um brigadeiro, cupcake, ou mesmo na pizza! Cante parabéns e peça para ele fazer um desejo e apagar a velinha! Tire foto. Abrace, beije, parabenize. Que dia mais especial, precisa ser comemorado!

 

Vai fazer festa do pijama? Que tal travesseiros e fronhas de bichinho para decorar? Veja aqui!

Quer opções menores? Já pensou em Naninhas? A Colo de Mãe tem muita, veja os modelos

Dicas de festas infantis gastando muito pouco? Acesse nosso Canal no YouTube! Comece por esse vídeo aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0
Rolar para cima